Você não precisa de ninguém para se sentir completo

Título: Você não precisa de ninguém para se sentir completo
Autor: André Ferrari
Editora: Outro Planeta
Páginas: 213
Ano de lançamento: 2021

Comprar na Amazon


Sinopse

É hora de curar essas feridas, deixar de lado quem só enrola e faz pouco caso da sua presença. Compreenda neste instante que, se houvesse interesse, já teria feito morada no seu coração. Não se alimente de migalhas, siga sua intuição. Passe pelo processo de dor e entenda que, lá na frente, você terá a liberdade emocional que tanto procura. Em Você não precisa de ninguém para se sentir completo, o escritor André Ferrari reúne pequenas lições do cotidiano para deixar a sua vida sentimental mais leve e plena. São 170 textos com os quais você vai se identificar em algum momento da sua vida. Situações simples e atípicas que colocarão você no lugar da personagem e ajudarão a compreender que muitas das vezes estamos presos em relações tóxicas e não nos damos conta disso. Com uma linguagem simples, direta e objetiva, este livro ajuda a exaltar o seu amor-próprio e evitar que você deposite a felicidade no colo de alguém espinhoso e sem responsabilidade afetiva. Um livro para sempre que precisar revisitar as páginas.

Você não precisa de ninguém para se sentir completo

André Ferrari é mineiro de Teófilo Otoni, estudou Economia, mas acabou se apaixonando pela comunicação e pelo poder das palavras. Sempre acreditou que, para não cair em ciladas emocionais, teria que usar a força do amor-próprio e da inteligência sentimental em qualquer relacionamento. Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto, hoje se dedica a temas do cotidiano que inflamam a experiência de viver sem jamais aceitar migalhas do próximo.

Frases do livro Você não precisa de ninguém para se sentir completo

Só ficará ao meu lado quem for capaz de ser recíproco. Ser solteira agora é um estado de espírito que beira o infinito. E a permissão clara que dei a mim mesma de encontrar novas sensações e amadurecer compulsoriamente a minha essência, sem pedir o consentimento de ninguém.

Entender que, apesar de toda a falta, cada um vai seguir o seu caminho. Ter saudade é amadurecer e reconhecer as coisas boas do passado, com a plena consciência de que recomeçar é preciso, ainda que seja dolorido.

Talvez a carência seja a sensação mais frustrante do nosso tempo. Depositamos todas as expectativas no próximo como se não fôssemos suficientes, criando uma dependência emocional e tóxica da presença do outro.

Esteja completa e jamais aceite menos do que alguém que faça você transbordar.

Fuja do caos das pessoas inconstantes, que mudam de comportamento a todo instante por qualquer coisinha.

Caia na real, perceba que é inútil tentar se encaixar na vida de quem não se importa com a sua existência. Isso é muito menos sobre você e muito mais sobre o egoísmo de quem jamais vai enxergar você como você merece.

Se você faz muito esforço para receber algum trocadinho de afeto, a hora de desistir está batendo à porta.

Amadurecer consiste em se amar mais, não se importar tanto com os outros, ouvir o próprio coração transbordar de intensidade, revelar quem tenta agredir, desenvolver empatia, fazer o bem sem querer algo em troca, perdoar quem a machucou, seguir em paz e se libertar de qualquer ressentimento.

Valorize quem enxerga você por dentro e, mesmo sabendo de todas as suas fragilidades, a apoia, a instrui e fica ao seu lado incondicionalmente.

Deboche é uma ferramenta mesquinha utilizada por pessoas que não encontraram a própria felicidade e tentam fazer pouco caso da conquista alheia. Olhe para o lado, ignore e siga o baile. Seja protagonista.

Não tenha medo de ficar só. Use esse tempo para valorizar sua própria companhia e resgatar algumas das coisas que você mais gostava de fazer.

“Esteja em uma relação pela qual vale a pena lutar. Mas jamais fique em um relacionamento se você é a única parte que está lutando por ele. Quem cuida por dois, no fim, sofre dobrado.”

Bom mesmo é exalar gratidão por toda travessia superada. Reconhecer as dificuldades e ter consciência de que o percurso foi mais importante do que a própria chegada.

Foda mesmo é quando a ficha cai e você percebe que toda a romantização que sua mente criou não faz parte da realidade que só o maltrata.

Estabeleça conexões mentais, espirituais e afetivas nesses tempos de relações rasas. Não se torne mais um nessa multidão de sentimentos superficiais. Seja a profundidade que você deseja no outro.

bilheteslivros
Logo